quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Digira este post como bem entender

Alimentos semi prontos sempre foram uma das preferências do público, não apenas por serem simples, mas pelo rápido preparo.

O mais conhecido e mais antigo, é o miojo. Mas, recentemente surgiram as "comidas prontas": além dos enlatados, agora pizzas, macarrão, e até sanduíches prontos, a maioria com hambúrgueres. As pessoas não fazem isso só por não saberem preparar ou por preguiça, mas pela economia de tempo.

Agora a questão é: vale a pena, em termos de Europa preço e saúde?
Eles, por serem semi prontos, precisam de conservantes que, na maioria dos casos, trazem malefícios à integridade do complexo que é o ser humano. E economicamente, vale mais e pena comprar um pacote de hambúrgueres e pães separadamente para depois montar seu próprio sanduíche customizado do que comprar cada sanduíche individualmente. Então cabe ao consumidor escolher entre praticidade e rapidez ou saúde, complexidade (dependendo do quanto você for incrementar o seu sanduíche) e economia.

E se você não percebeu que não foi o Corrêa que escreveu isso, é melhor repensar seu acesso a este blog.

Desde já grato,
Corrêa Drakkar.